A Medalha de Mérito Policial é a mais alta honraria concedida pela Polícia Civil.

Na manhã desta segunda-feira(28), o presidente em exercício do Sindicato dos Policiais Civis do Estado de Sergipe-Sinpol/SE, Ênio Nascimento, participou da solenidade em comemoração aos 133 anos da Polícia Civil de Sergipe, no Teatro Atheneu Sergipense.

Durante a solenidade, o especialista em Segurança Pública, Paulo Storani, que atuou no BOPE do Rio de Janeiro, ministrou a palestra motivacional “Cultura de Alta Performance”; e foi apresentado um documentário em comemoração aos 133 anos da Corporação.

Por fim, foram concedidas homenagens a pessoas e instituições que por seus méritos, por seu desprendimento, por sua corporação, tenham se destacado, contribuindo e auxiliando no desenvolvimento, aperfeiçoamento ou engrandecimento da Polícia Civil. O diretor jurídico, Álvaro Bento, foi agraciado com a mais alta honraria da PC/SE, a Medalha de Mérito Policial Civil.

“Me sinto muito feliz por entender que a minha segunda casa, meu trabalho tão querido, reconhece meu empenho e dedicação que neste ano completa 36 anos“, ressaltou Álvaro Bento.

“Assistir tantos colegas, símbolos de profissionalismo, serem homenageados legitima o trabalho de todos os policiais. Orgulho define a manhã de hoje“, disse Ênio Nascimento.

Estavam presentes o presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores Policiais Civis (Cobrapol), Adriano Bandeira; a vice-prefeita e deputada federal eleita, Katarina Feitoza, o delegado-geral do Estado de Sergipe, Thiago Leandro; o diretor administrativo do Sinpol/SE, Leonardo Mota; o conselheiro fiscal do Sinpol/SE, Adilton Paz: autoridades; trabalhadores da Segurança Pública; e familiares e amigos dos homenageados.