O cuidado com a saúde mental também deve ser prioridade para os profissionais que atuam na Segurança Pública. Por conta disso, o Sindicato dos Policiais Civis do Estado de Sergipe (Sinpol/SE) firmou convênio nesta semana com a Profint – Profissionais Integrados LTDA, clínica-escola que conta com psicólogos, psiquiatra e homeopata realizando atendimentos psicoterápicos nas modalidades individual, grupal, casal e familiar, bem como orientação vocacional/profissional, coaching e treinamentos interpessoais.

Adriano Bandeira, presidente do Sindicato dos Policiais Civis do Estado de Sergipe (Sinpol/SE), destacou que a preocupação com a saúde mental da categoria é uma realidade na atuação gestão da entidade. “Nossos policiais vivem constantemente pressionados para dar respostas positivas à sociedade nas diversas atividades que desempenham. O equilíbrio emocional se torna um desafio quando você trabalha com a criminalidade e a violência, por isso sabemos que não é fácil encarar o estresse diário da profissão, o risco de morte e muitas vezes a falta de reconhecimento. Diante desse cenário, é possível que alguns colegas não aguentem a pressão e acabem desenvolvendo problemas psicológicos”, ressaltou.

Por meio do novo convênio firmado entre o Sinpol/SE e a clínica-escola, o policial civil filiado e seus dependentes contarão com descontos de 20% em consultas e cursos que forem pagos à vista e 10% de desconto para aqueles que efetuarem pagamento com cartão de crédito. A profint é chancelada pela Federação Brasileira de Psicodrama (FEBRAP) e União Brasileira de Associações de Arteterapia (UBAAT).

Para conhecer os profissionais que atuam na clínica-escola, bem como os cursos ofertados (arteterapia, terapia de casal e família, orientação vocacional/profissional, perdas e luto: a dor do apego, psicoterapia infantil, liderança e gestão de pessoas, entre outros), acesse o portal da Profint: www.profint.com. A clínica-escola fica na rua Poeta José Salles de Campos, 794, bairro Coroa do Meio, Aracaju/SE.